ESPINOSA E O PROBLEMA DA EXPRESSAO

R$ 87,00

As definições correntes da filosofia não se aplicam a Espinosa, pensador escandaloso e solitário, que concebeu a filosofia como uma empresa de liberação e desmistificação radicais, cujos únicos paralelos talvez sejam Lucrécio e Nietzsche. Em Espinosa e o problema da expressão, Gilles Deleuze (1925-1975) mapeia, no pensamento do filósofo holandês, as relações entre teoria da substância, teoria da ideia e teoria das paixões e das ações, pondo em destaque, particularmente, as conexões entre substância e a composição dos modos finitos de existência. Apresentado originalmente como tese complementar de doutorado e publicado na França em 1968, quase simultaneamente a Diferença e repetição, este é um livro fundamental na trajetória do autor de O anti-Édipo. Aqui, ao mesmo tempo em que discute o conceito de expressão e apresenta de forma sistemática o pensamento de Espinosa, o texto põe em evidência a operação deleuziana de leitura, suas maneiras de agir e de saber.

SKU: 9788573266740 Categoria:

Descrição

Autor: DELEUZE
Editora: 34
ISBN: 9788573266740
Ano: 2017
Edição: 1
Páginas: 432
Encadernação: Brochura

Informação adicional

Peso 468 g
Dimensões 3 × 14 × 21 cm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “ESPINOSA E O PROBLEMA DA EXPRESSAO”

O seu endereço de e-mail não será publicado.